0.000
Nome Artístico
Wagner Segura
Nome verdadeiro
Wagner do Amaral Segura
Data de nascimento
29/9/1961
Dados biográficos

Instrumentista. Violonista, cavaquinista e bandolinista. Arranjador. Compositor.
Um dos principais propagadores e divulgadores do gênero choro em Florianópolis, onde integrou conjuntos do gênero, tais como Vibrações e Nosso Choro. Tem cursos de Harmonia Aplicada e Música Popular Brasileira com Ian Guest (RJ), e Prática de Choro, com Luiz Otávio Braga (RJ), realizado pela Fundação Cultural de Curitiba.
Criador do Centro Musical Wagner Segura, escola pela qual passaram vários músicos da nova geração de Santa Catarina, entre os quais o cavaquinhista Chico Camargo, Daniel Aranha, Guilherme Cardoso, Anderson Ávila, Marinho e Ademar, além dos integrantes do grupo Ginga do Mané (formado por Andrey Miranda, Fernanda Silveira, Fabrício Gonçalves, Thiago Larroyd e Igor Issikaba).

Dados artísticos

No início da década de 1980 foi um dos fundadores do grupo de choro Vibrações, com o qual atuou em projetos como o “Projeto Pixinguinha”, em Santa Catarina, e o “Projeto Pixingão”, no Rio de Janeiro. Como músico acompanhou artistas como Paulo Moura, Altamiro Carrilho, Ademilde Fonseca, Sílvio Caldas, Neide Mariarrosa, Zininho, Artur Moreira Lima, Marcelo Bratte, Rute Gebler, Neide Mariarrosa, Maria Helena, Noite Ilustrada, Nei Lopes, Dominguinhos do Estácio, David Corrêa, Aroldo Melodia, Almir Guineto e Monarco, entre outros.
Participou dos concertos da Pró-Música.
Atuou como músico e arranjador, de diversas gravações de artistas catarinenses.
Atuou, também, como produtor musical e arranjador em discos de Irene Pavone e Anita Hoepke, Brasil & Argentina e grupo Nosso Choro.
Um dos fundadores e integrante do grupo Nosso Choro, criado em 1991 e com o qual lançou, em 1996, o CD “Nosso Choro”, pela Fundação Catarinense de Cultura, disco no qual foram incluídas as suas composições “Egoísta”, “No embalo de lá”, “Brincando com o sax” e “Gracinha”.
Como arranjador, violonista, bandolinista e cavaquinhista, de 1995 a 2003 produziu discos e CDs de todos os sambas-enredo da Embaixada Copa Lord; a trilha sonora dos filmes sobre Victor Meireles e Cruz e Souza, participou como músico e arranjador  da gravação de discos e CDs de: Zininho, Neide Mariarrosa, Jorge Coelho, Nosso Choro, Maria Helena, Brasil e Argentina (Deuri e convidados); V ida e Sonhos (Deuri), Anita Hoepcke, Paulinho Vidal, Bom Partido, Bar Fala Mané, Ed Júnior, Acordioníssimo (Irene Pavoni), Jorge Gibbon, Januário, Elias Marujo, Celinho da Copa Lord, entre outros compositores catarinenses.

Discografias
1996 Fundação Catarinense de Cultura CD Nosso Choro
Obras
Brincando com o sax
Egoísta
Gracinha
No embalo de lá